Comissão de Gestão Ambiental realiza primeira reunião de 2021

Aconteceu na manhã desta quarta-feira, 20, na sede da Procuradoria Geral de Justiça, a primeira reunião de 2021 da Comissão de Gestão Ambiental do Ministério Público do Estado do Maranhão. Em discussão, as iniciativas institucionais de sustentabilidade para o primeiro semestre desse ano.

A Comissão é presidida pela procuradora de justiça Mariléa Campos dos Santos Costa e conta com a participação dos coordenadores de todos os setores administrativos da Procuradoria Geral de Justiça. Também participaram o diretor da Secretaria de Planejamento e Gestão do MPMA, Carlos Henrique Vieira, e a chefe de gabinete da Corregedoria, Alessandra Darub Alves.

Na abertura dos trabalhos, o procurador-geral de justiça falou sobre a importância do trabalho focado no desenvolvimento da instituição. Eduardo Nicolau também autorizou a produção de canecas para todos os membros, servidores, terceirizados e estagiários da instituição. Esse material irá substituir o uso de copos descartáveis no Ministério Público do Maranhão, resultando em economia aos cofres públicos e redução na geração de resíduos sólidos.

Além da primeira iniciativa, já autorizada pelo chefe da instituição, a comissão aprovou outras ações a serem desenvolvidas nos próximos meses, como a intensificação das campanhas internas de conscientização ambiental e uma ação de apresentação da Comissão à sociedade maranhense.

Também terão continuidade as medições de consumo de diversos itens nas Promotorias de Justiça do estado, bem como a identificação de práticas de sustentabilidade desenvolvidas pelo Ministério Público em todo o Maranhão.

A procuradora de justiça Mariléa Costa também pediu que todos os participantes intensifiquem os cuidados em relação à Covid-19, evitando aglomerações e mantendo práticas de distanciamento social e higiene, bem como o uso constante de máscaras.

Redação: Rodrigo Freitas (CCOM-MPMA)