Durante primeira Ação Resgate do ano, Governo leva serviços de saúde ao Centro

O Governo do Estado, através do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD Estadual) promoveu, nesta quarta-feira (10), a primeira edição da Ação Resgate do ano. Os atendimentos foram realizados na Praça Deodoro, região central da capital. Foram ofertados diversos serviços em saúde para as pessoas em situação de rua, usuários de entorpecentes e população em geral.  

A ação foi realizada em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) e Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (SEMCAS), e levou testes rápidos de HIV, Sífilis, Hepatite e Covid-19, além de serviços como verificação de glicemia capilar, avaliação com médico clínico, aferição de pressão arterial e a disponibilização de internação para dependência química. Também foram oferecidas vacinas contra hepatite, tétano, pneumonia e febre amarela.  

“No ano passado, foram 18 Ações Resgate, em diversos pontos da cidade como Mercado Central, João Paulo, Praia Grande e Praça Deodoro. Este ano, a meta é realizar duas ações por mês em pontos de concentração de dependentes químicos, superando os números de 2020”, destaca o coordenador do CAPS AD Estadual, Marcelo Costa. 

Através do trabalho executado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio do CAPS AD, 187 dependentes químicos foram retirados das ruas ao longo do ano de 2020 e encaminhados para as unidades CAPS, Unidades de Acolhimento (UAs) e Fazenda Esperança. Na ação desta quarta, foram realizados 425 atendimentos e 6 internações de pessoas em situação de rua usuárias de entorpecentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.