Estudantes que tiveram as provas canceladas se preparam para o Enem

Estudantes que tiveram as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) canceladas em janeiro preparam-se para a aplicação do exame. A maior parte desses participantes está no Amazonas. O estado inteiro teve as provas suspensas por conta do agravamento da pandemia do novo coronavírus. Mais de 160 mil estudantes estão inscritos no exame que será hoje, 23 e amanhã, 24.

Quando a prova foi suspensa, em janeiro, o estudante disse à Agência Brasil que sentiu-se aliviado e que estaria protegendo a família. Agora, mesmo com medo, ele diz que irá fazer o exame amanhã. “Consegui estudar mais, tenho o privilégio de estudar com wifi e computador. Vou fazer a prova. Estou 80% pronto. Os 20% de preparo ainda que faltam eu consigo ainda até amanhã”.

Além do Amazonas, o Enem foi suspenso também nos municípios de Rolim de Moura (RO), onde estavam inscritos 2.863 e em Espigão D’Oeste (RO), com 969 inscritos.

Reaplicação do Enem

Além de ser aplicado para candidatos que tiveram as provas canceladas por conta do agravamento da pandemia do novo coronavírus, o Enem 2020 será reaplicado, a partir de hoje, para aqueles participantes inscritos no Enem regular que não puderam fazer o exame por estarem com sintomas da covid-19 ou de outra doença infectocontagiosa e para os participantes prejudicados por questões logísticas. O Enem 2020 regular foi aplicado nos dias 17 e 24 de janeiro no formato impresso, e nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro no formato digital.