No mês são desenvolvidas ações pela saúde mental

MPMA promove reunião para discutir ações do janeiro branco

Com o objetivo de organizar as atividades para o janeiro branco, o Ministério Público do Maranhão realizou, na manhã desta quarta-feira, 13, por meio do Centro de Apoio Operacional dos Direitos Humanos, uma reunião com representantes de entidades e órgãos públicos que atuam junto ao Fórum Estadual de Prevenção da Automutilação e do Suicídio, coordenado pelo MPMA.


Durante o encontro, coordenado pela promotora de justiça Cristiane Lago, foi discutida a organização do evento direcionado para adolescentes a ser realizado na próxima quarta-feira, 20, na Praça das Árvores, no bairro do Cohatrac, em São Luís. Em razão das medidas de distanciamento, a atividade receberá um público de, no máximo, 50 pessoas.

Na ocasião, serão oferecidas palestras e atividades sobre saúde física e mental, bem como acerca de nutrição e religiosidade. O público poderá participar também de atividades de relaxamento, alongamento e acompanhar uma apresentação musical. No final, será realizado o sorteio de uma pintura.

Segundo Cristiane Lago, as ações visam despertar a sociedade, especialmente o público-alvo do evento, para a importância do cuidado com a saúde mental. “Nosso objetivo é sensibilizar a sociedade maranhense para que todos atuem na prevenção do suicídio e da automutilação que, infelizmente, acometem tantas pessoas, especialmente os mais jovens”, disse a coordenadora do CAOp-Direitos Humanos.

Participaram da reunião o deputado estadual Wellington do Curso, que foi um dos idealizadores do Fórum; bem como representantes das Secretarias Estaduais de Saúde e Segurança Pública, das Secretarias Municipais de Educação e Saúde, do Centro de Valorização da Vida, do Comitê da Praça das Árvores, do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Maranhão e da Assembleia Legislativa do Estado.

Redação: Oséas Batista (CCOM-MPMA)