Vereadores suspendem sessões após vários casos de Covid-19

Os trabalhos estão suspenso na Câmara Municipal de Caxias, pelo período de 15 dias, devido a vários casos de contágio pelo novo coronavírus. Um total de 14 funcionários foram diagnosticados com a doença. Durante o tempo de fechamento, haverá uma higienização geral do local. Não há previsão de retorno das atividades, segundo informações do presidente da casa, Teódolo Aragão.

“Com essa situação, a gente vai permanecer de forma remota ate terminar a pandemia. A gente prefere deixar as seções de forma remota até isso acabar”, diz o presidente. As sessões ordinárias, sessões solene, audiências públicas e reuniões partidárias estão suspensas até o dia 5 de março, podendo tal prazo ser prorrogado a qualquer tempo.

O Comitê de Enfrentamento à Covid-19 informou que 10 leitos do Hospital Centro Médico foram desativados em dezembro de 2020. Das três unidades que eram dedicadas ao tratamento da doença no município, apenas duas possuem leitos de UTI. Na rede municipal, a taxa de ocupação dos leitos de UTI atingiu os 90%, já o de internação clínica estavam 75% ocupados.